Jardim

Plantas de jardim com flores

Pin
Send
Share
Send


Plantas de jardim com flores

Geralmente, as várias espécies pertencem ao grande gênero de angiospermas e têm uma origem antiga, que remonta até à época do Cretáceo. A característica desse tipo de planta é precisamente a flor, que os diferencia das plantas que produzem apenas sementes, ou gimnospermas. Eles conseguiram se espalhar exponencialmente graças à sua resistência e capacidade de se adaptar aos diferentes climas das áreas geográficas. As angiospermas são as de natureza mais comum também porque têm um período de fertilização mais curto que as gimnospermas. Dependendo da variedade, eles podem ser divididos em grandes grupos, incluindo os tipos lenhosos dos Austrobaileyales, os Nymphaeales com mais de noventa espécies e o arbusto Amborella. Além desses, existe o grupo muito grande de magnólidos, que inclui, por exemplo, louro e magnólia, mesmo que seu número total exceda em muito as dez mil espécies. Outras plantas com flores aromáticas são conhecidas como clorantatos. Todas as espécies de plantas com flores estão sujeitas às mesmas patologias, às quais deve ser dada especial atenção. Antes de tudo, é bom evitar a estagnação de líquidos nas raízes e nas hastes, evitando uma administração excessiva de água e o consequente processo de marcação; se isso já estiver em andamento, fungicidas específicos devem ser usados. O solo ideal para o plantio de plantas deve, portanto, ser úmido, rico em nutrientes e bem drenado. Outra patologia digna de atenção é a causada pelo cogumelo oido, que geralmente afeta pequenos brotos e folhas tenras, deixando uma pátina esbranquiçada sobre eles; Também neste caso, o melhor remédio é um bom fungicida, a ser administrado, no entanto, de forma preventiva, no início da primavera.


Weigelia

Weigelia é um arbusto nativo do continente asiático e pertencente à família coprifoliaceae. As flores, rosa brilhante por fora e branco leitoso por dentro, têm formato de sino e nascem no topo dos novos galhos no início da primavera. Esta planta precisa de muito espaço para se desenvolver em toda a sua beleza, uma vez que pode atingir até quatro metros de altura. Sua acomodação ideal é em uma área exposta à luz solar direta. Sendo uma espécie bastante resistente, adaptar-se-á aos vários tipos de clima presentes na área geográfica onde será cultivada. Apesar disso, é necessário prestar muita atenção à qualidade do solo, que deve ser mantido sempre bem drenado e úmido; portanto, é aconselhável regá-lo regularmente, especialmente no verão, quando a água evapora mais rapidamente. Uma vez por ano, o Weigelia será podado adequadamente, removendo os galhos secos ou podres e ajustando a coroa. O solo, além de úmido, deve ser enriquecido com nutrientes preciosos, por exemplo, fertilizados com adubo maduro ou húmus específico, pelo menos uma vez ao ano e sempre na primavera. Quanto à rega, uma administração semanal será boa, dobrando se a temperatura estiver muito alta. A multiplicação é realizada por estacas: para prosseguir, é preciso cortar na parte lateral da planta, para não afetar a floração, depois transplantá-la para um solo ao qual uma quantidade razoável de barro e areia frescos em partes será adicionada igual. O plantio definitivo, seja no jardim ou em uma panela, deve ser feito apenas na primavera.

Vídeo: 12 PLANTAS PARA COLORIR SEU JARDIM COM FLORES (Agosto 2020).

Pin
Send
Share
Send